Uma série de vídeos que explora as grandes epidemias da humanidade
Publicado em: 19/02/2021

É só conhecendo o passado que podemos entender o presente e melhorar o futuro. Em meio à pandemia global da Covid-19, olhar para as grandes epidemias de antigamente pode nos dar respostas sobre o momento que vivemos, e mostrar que a história sempre se repete.

A série de cinco vídeos “As Grandes Epidemias”, elaborada pelo Museu de Microbiologia do Instituto Butantan, viaja por cinco grandes doenças que, em diferentes épocas, se tornaram verdadeiros desafios à saúde pública: peste bubônica, varíola, influenza (especificamente, gripe espanhola), meningite e AIDS.

Reunindo fotos, ilustrações e imagens de época, além de depoimentos de especialistas do Butantan e grandes nomes da medicina brasileira, os vídeos ensinam que a peste bubônica chegou a dizimar um quarto da população da Europa (25 milhões de pessoas) durante o século XIV; que a varíola chegou a ser utilizada como arma biológica contra as populações indígenas da América Latina no século XVI; que a gripe espanhola começou nos Estados Unidos, trazida por soldados que voltavam da Primeira Guerra Mundial; que um surto de meningite meningocócica atingiu nos anos 1970 o Brasil, principalmente os estados de São Paulo e Rio de Janeiro; e como os medicamentos antirretrovirais ajudaram a trazer saúde e qualidade de vida para os portadores de HIV.

Confira a série na playlist do Canal do Butantan ou aqui mesmo, nos vídeos a seguir: