Butantan realiza testagem de covid-19 em comunidades indígenas no litoral sul do estado
Publicado em: 09/07/2020

09/07/2020 - O Instituto Butantan, vinculado a Secretaria do Estado de Saúde de São Paulo, começou a ampliar a realização de testes em comunidades indígenas no litoral sul do Estado de São Paulo. Nesta segunda (06), a Aldeia Paranapuã, em São Vicente, recebeu a visita de profissionais do da instituição, em parceria com a Fundação Nacional do Índio (Funai), Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), da UBS Japui e da Secretaria Municipal de Saúde. Nos próximos dias, outras aldeias da região serão atendidas, dentre elas a Itaoca Tupi e Itaoca Guarani, em Mongaguá, e a Aldeia Takuarity, em Cananéia.

A ação desta segunda-feira realizou testes rápidos sorológicos do tipo lgM/lgG em 92 indígenas e também distribuiu 120 máscaras de tecido, doadas pela Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo.

 

 Em junho, um piloto do projeto foi realizado na Aldeia Filhos Desta Terra, em Guarulhos, com 45 indígenas testados. O objetivo da iniciativa é avaliar estes grupos que são considerados vulneráveis por meio de testes rápidos e, desse modo, tomar as medidas necessárias para barrar a disseminação do vírus.

 

 

 

Ampliação de testagem

 

Em uma nova etapa da testagem iniciada em junho, o Butantan ampliou a realização de exames prioritariamente em populações vulneráveis, dentre elas indígenas e idosos em abrigos, além de categorias do funcionalismo público como profissionais do sistema penitenciário e agentes de segurança pública. Até o momento 144,4 mil testes rápidos foram realizados nesses públicos.

Os projetos de testagem em grupos vulneráveis são coordenados pelo Instituto Butantan em parceria com o Centro Paula Souza e as Secretarias de Desenvolvimento Social, Administração Penitenciária, Saúde, Habitação, Segurança Pública e de Direitos da Pessoa com Deficiência.

 

São aplicados predominantemente testes rápidos sorológicos do tipo IgM/IgG, que identificam se a pessoa já teve contato com o coronavírus. Para aqueles que apresentam sintomas ou tiveram contato com pacientes confirmados para COVID-19 o exame indicado é o de RT-PCR, que aponta a presença do material genético (RNA) do vírus.

 

 

(da equipe de comunicação do Butantan)