Uma abelha incomum que poliniza orquídeas e tem papel importante na ecologia

Com cores metalizadas, a espécie se diferencia da aparência tradicional do inseto em amarelo e preto


Publicado em: 24/05/2022

Quando pensamos em uma abelha, a primeira coisa que vem à cabeça é um inseto com listras pretas e amarelas. Mas a Euglossa intersecta surpreende com sua aparência única, em tons de verde, roxo e azul, além dos detalhes que parecem metalizados.

Euglossa é um gênero de abelhas que poliniza orquídeas e outras espécies vegetais. Possui um bico especializado para sugar néctar das flores e é coberta por pelos que captam o pólen – traços comuns a todas as abelhas.

Conhecida por ser solitária, em poucos casos é vista em grupos de até quatro ou cinco espécimes. Os machos utilizam-se das substâncias odorizantes de dentro das flores para o acasalamento.

 

A Euglossa intersecta tem papel importante na ecologia e longevidade das orquídeas nas regiões que habita, e costuma ser encontrada em boa parte da América Latina, em florestas tropicais do México até o norte da Argentina e na floresta amazônica.

ABELHA EUGLOSSA INTERSECTA

Espécie: Euglossa intersecta da ordem Hymenoptera, da família Apidae e do gênero Euglossa.

Onde habita: em florestas tropicais de todo continente latino-americano, desde o México até o norte da Argentina, e na floresta amazônica

Características físicas: corpo arredondado em tons de azul, verde e roxo. Bico alongado para alimentação e pelos para a captura de pólen.

Alimentação: néctar, especialmente de orquídeas (herbívoro).

 

*Fotografia de Pedro Cattony, tecnologista no Laboratório Estratégico de Diagnóstico Molecular do Instituto Butantan, em parceria com os fotógrafos Guilherme Correia e Paulo César, que fizeram o registro no Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo