Unicef assina acordo para comprar 200 milhões de doses da vacina da Sinovac contra Covid-19


Publicado em: 29/07/2021

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef, na sigla em inglês) e a biofarmacêutica chinesa Sinovac, parceira do Butantan na fabricação da CoronaVac, assinaram um acordo de longo prazo para fornecer a vacina contra a Covid-19 por meio do consórcio Covax Facility. O acordo garante ao Unicef o acesso a até 200 milhões de doses ainda em 2021. 

O representante da Unicef para Uganda, Munir Safieldin, declarou em seu Twitter que a notícia é ótima para os países em desenvolvimento. "Quanto mais vacinas aprovadas disponíveis por meio do Covax, mais pessoas em países de média e baixa renda podem ter acesso a vacinas contra a Covid-19. Ninguém está seguro até que todos estejam seguros", disse Safieldin.

As entregas devem começar a partir de agosto, desde que os países em desenvolvimento participantes do consórcio estejam aptos a receber as vacinas. As doses que cada nação vai obter são determinadas pelo Covax com base em critérios como acesso, prontidão para aceitar os imunizantes, quantidade recebida até então por meio do consórcio, aspectos operacionais e de abastecimento, entre outros.

O anúncio do Unicef acontece duas semanas após a divulgação pela Organização Mundial da Saúde (OMS) da compra de até 380 milhões de doses da vacina da Sinovac por meio do consórcio. Conforme o acordo, serão viabilizadas 50 milhões de doses até o final de setembro, e ainda poderão ser adquiridas mais 150 milhões de doses no quarto trimestre deste ano, além de 180 milhões de doses no primeiro semestre de 2022.

O imunizante contra a Covid-19 da Sinovac recebeu autorização para uso emergencial da OMS no mês de junho. 

 

Sobre o consórcio Covax Facility

O Covax Facility foi criado pela OMS com o objetivo de facilitar e ampliar a distribuição em escala global de vacinas contra a Covid-19, especialmente nos países em desenvolvimento. Por meio do consórcio, e com a contribuição de entidades filantrópicas, são adquiridos imunizantes a preços baixos dos fabricantes e entregues gratuitamente a países de baixa e média renda.