Segunda fase da Olimpíada Brasileira de Biologia acontece neste domingo
Neste domingo (28), das 9h às 13h, cerca de oito mil alunos realizarão a prova da segunda fase da XV Olimpíada Brasileira de Biologia, competição promovida pelo Instituto Butantan.
A avaliação acontecerá em 120 escolas-sede e tem como objetivo principal convocar os 16 melhores participantes para a capacitação prática no Butantan (3ª etapa).
Na primeira fase, aproximadamente 120 mil alunos fizeram a prova. O conteúdo abordado dessa vez será o mesmo da etapa anterior, porém com maior nível de dificuldade, e envolverá assuntos de diversas áreas da Biologia, como Citologia, Botânica, Zoologia, Genética, Evolução, Ecologia, Etologia, Fisiologia Animal, Biossistemática e Noções de Farmacologia.
Para a coordenadora da Olimpíada Brasileira de Biologia, Sonia de Andrade, a expectativa é de que a prova revele talentos na área. “A prova foi preparada em um alto nível de conhecimento. Por meio dela, poderemos selecionar os verdadeiros talentos da biologia no país,” explica a pesquisadora.
Em 2019, o Butantan coordena pela terceira vez as três etapas da Olimpíada Brasileira de Biologia. No ano passado, o Instituto ajudou o Brasil a conseguir sete medalhas e uma menção honrosa (quando o participante teve um bom resultado, porém não o suficiente para a conquista de uma medalha).
A competição nacional é promovida pelo Instituto Butantan em parceria com o BioRad, Centd (Centro de Excelência para Descobertas de Alvos Moleculares), Cetics (Centro de Toxinas, Resposta-Imune e Sinalização Celular)​, Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico), Ministério da Educação e Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.
 
(por Elias Antar)